top of page

Thiago Camilo sobe duas posições

Com dois quartos lugares, piloto da Ipiranga sai da Argentina como 3º no campeonato


Por Alexandre Kacelnik - fotos de Bruno Terena/Hyset


Buenos Aires, 8 de outubro – Sem um carro para brigar pelas vitórias, Thiago Camilo fez duas corridas estratégicas hoje no autódromo Oscar y Juan Galvez, chegando em quarto nas duas. Com os 36 pontos conquistados, saltou de 5º para 3º lugar no campeonato, a 32 pontos do líder, Gabriel Casagrande.

Largando em 6º na corrida principal, o piloto do Toyota número 16 da Ipiranga Racing já estava em 5º na terceira curva. Quando a janela de pit stops abriu já estava em 4º. Não reabasteceu e trocou apenas o pneu dianteiro direito – o mais próximo aos mecânicos – para ganhar tempo e manter a posição, o que aconteceu. Quando se fechou a janela, faltando oito minutos para o fim, Camilo estava cerca de 4 segundos atrás de Gianluca Petecof, o 3º, e cerca de quatro segundos à frente de Dudu Barrichello, o 3º. Decidiu então economizar combustível e não usar o botão de ultrapassagem, poupando para a corrida 2.

Foi uma estratégia acertada. Largando em 7º, estava em 8º quando veio a primeira bandeira amarela, e conseguiu fazer um bom pit stop – com reabastecimento e troca do mesmo pneu dianteiro direito – para ganhar posições. De volta à pista, ainda ultrapassou Petecof e estava em 4º quando o companheiro de equipe, Cesar Ramos, foi envolvido em um acidente com Felipe Baptista e Marcos Gomes, o que provocou uma bandeira amarela perto do fim da prova. A corrida acabou sob bandeira amarela e foi vencida pelo herói local Matias Rossi, para delírio do público de lotou as arquibancadas.



Cesar Ramos, que chegou em Buenos Aires em 9º no campeonato, caiu para 10º após um domingo muito complicado. Largou em 10ª na primeira corrida, ficou espremido por fora e caiu para 16º. A meta de recuperar o 10º lugar para lagar na frente na corrida 2, com grid invertido, fugiu das mãos do gaúcho por 0,284 segundo. Largando em 11º na corrida 2, estava nessa posição quando veio o acidente que o tirou da corrida.



“Se eu tivesse mais uma ou duas voltas podia chegar em terceiro na corrida 2 e subir ao pódio, mas isso não é o mais importante. Hoje fizemos o máximo possível com o carro que tínhamos, subimos no campeonato, diminuímos a diferença de pontos para a liderança, que é o objetivo principal”, disse Camilo.



Comments


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page