Carro do futuro com mil e uma utilidades


A suíça Rinspeed é famosa por seus protótipos e projetos relacionados à mobilidade urbana, sempre focados num futuro próximo – ou pelo menos não muito distante. O conceito que você vê nas fotos e no vídeo (acima) se chama MetroSnap e utiliza uma base mecânica comum como suporte para uma infinidade de veículos diferentes, com outra infinidade de utilizações possíveis. O projeto vem sendo desenvolvido há alguns anos e seu estágio atual será uma das atrações da empresa na próxima feira de tecnologia de Las Vegas, a CES.

A ideia de aproveitar uma mesma base mecânica – ou, no caso deste modelo, elétrica –para vários veículos diferentes não é exatamente nova e outras empresas, incluindo a General Motors, já apresentaram protótipos desse tipo. A novidade é que, além da máquina em si, Rinspeed desenvolveu toda uma lógica de uso para esse sistema, unindo logística, transporte coletivo e, também uma proposta para mudança de hábitos de deslocamento, serviços e consumo. Um dos "motes" da coisa é levar "por que você deveria ir até os serviços, se os serviços podem ir até você?

A coisa toda funciona por meio de um aplicativo no smartphone, respondendo a solicitações dos clientes. Usando uma espécie de base padronizada, os módulos usados podem também ser entregues ou deixados em locais públicos, onde funcionam como pequenas lojas, agências de atendimento e de serviços.

Os veículos-base são elétricos e trazem suas baterias instaladas sob o assoalho fixo. No teto dos módulos – que podem funcionar como lojas, depósitos e cabines de passageiros – há placas fotovoltaicas para captação de energia solar, capazes de suprir de eletricidade as funcionalidades básicas desses "recheios".

A condução dos carros é totalmente autônoma, dando a eles um jeitão de " elevadores com rodas", inclusive no que diz respeito à performance. Veja alguns dados técnicos sobre eles no final deste post.

Com tudo o que tenho visto por aí em termos de tecnologia, não vejo dificuldades para que veículos desse tipo estejam rodando em muito breve por aí, especialmente em cidades da Europa. Em lugares com trânsito caótico e total indisciplina, tanto na direção quanto no uso de espaços públicos como um todo, no entanto, acho que seriam inviáveis.

Ficha técnica:

Motor: elétrico, montado sobre o eixo traseiro, alimentado por baterias de íons de lítio.

Potência: 12,2 kW (16,5 cv), Torque 5,8 kgfm.

Performance prevista: velocidade máxima de 85 km/h e autonomia de 130 km.

Capacidade da versão para passageiros: 6 pessoas.

Dimensões (metros):

Comprimento: 3,7

Largura: 1,7

Altura: 1,8

Entre-eixos: 2,7

Peso aproximado da base mecânica: 690 kg

Capacidade de carga (módulo carregado): 580 kg

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Facebook Clean Grey
  • LinkedIn Clean Grey

Rebimboca agência de comunicação e produção de conteúdo

Rio de Janeiro - Brasil

© 2020  Rebimboca Comunicação